Deixe um comentário

Constantine – 1×02 – The Darkness Beneath

755c402aab814915c9a08c1462b99daaQuem já teve o prazer de ler uma das HQ’s de Constantine sabe como a história é muito mais do que casos sobrenaturais, indo para algo mais poético e muita vezes sarcástico sobre a morte e os espíritos. A série Constantine neste começo não consegue passar essa sensação e é apenas mais uma trama procedural parecida demais com o estilo de Supernatural.

O segundo episódio lembrou demais a narrativa de Supernatural, como a investigação dos casos em cidades dos EUA, com a diferença que eles chegam para Constantine através do mapa deixado por Liv. As comparações continuam com a cena inicial com o cara morrendo queimado, o falso suspeito (o ex-pastor), os fantasmas da semana e agora Constantine ganhando o seu Sam. O caso dos espíritos dos mineradores foi muito chato e teve a velha máxima de que o marido ou a esposa é sempre o culpado, ainda mais se ela for uma cigana! A virada foi Constantine usar seus conhecimentos para virar o feitiço contra o feiticeiro fazendo com o que marido assassinado se vingasse de sua esposa cigana.

Matt Ryan continua bem como Constantine, tanto no humor, as cenas dele invadindo o enterro e andando todo sujo de lama foram bem engraçadas, pelo menos o estilo sarcástico do personagem está sendo respeitado. Algo bom neste episódio foi o início da parceria de Constantine e Zed, com uma rápida química, bons diálogos, humor e o poder de Zed é um elemento que pode ajudar aos casos da semana a ganhar um elemento diferente do gênero. Angélica Celaya trouxe sua sensualidade e sensibilidade para a personagem que irá, como o público, conhecer sobre o mundo do sobrenatural através de sua parceria com Constantine. Um mistério foi deixado sobre o motivo de Zed ter sonhos com Constantine e porque precisam ficar unidos, e se isso será bom ou ruim para eles. A troca de Liv por Zed mostrou pelo menos ter sido inicialmente um grande acerto, Zed parece uma personagem muito mais impactante e com chances de criar uma parceria que pode ser o diferencial da série para conquistar o telespectador.

O segundo episódio manteve o mesmo nível regular para o fraco da estreia de Constantine, uma série que ainda está longe de ter encontrado a maneira certa de contar sua história, a desperdiçando ao escolher a fórmula procedural. O único acerto foi a introdução de Zed e sua, possivelmente, promissora com Constantine. O problema é que talvez Constantine não tenha tempo para se firmar, já que a audiência do segundo episódio foi menor do que a do piloto.

tres

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s