Deixe um comentário

Série Nova: Constantine – 1×01 – Pilot

Constantine - Season PilotUm dos personagens mais sombrios e densos dos quadrinhos John Constantine foi criado pelo mestre Alan Moore em 1985 e até hoje o exorcista é adorado pelos leitores de suas HQ’s. Em 2005 o personagem ganhou uma adaptação para o cinema estrelada por Keanu Reeves e que apesar de ter sido um bom filme não fez muito sucesso. Agora em 2014 o personagem ganha sua própria série solo pela NBC e antes mesmo da estreia oficial a produção já enfrentou duras críticas, isso porque a primeira versão do episódio piloto vazou e desagradou tanto os leitores das HQ’s como o público em geral. Tentando evitar uma tragédia maior os responsáveis pela série fizeram algumas alterações no piloto, a maior delas foi dar um final para a história de Liv (Lucy Griffiths, de True Blod) que originalmente seria a protagonista feminina da série.

A trama apresenta John Constantine, um exorcista, demonologista e mestre das artes ocultas. Constantine está passando por período em um manicômio depois de ter sido incapaz de salvar uma garota de nove 9 anos chamada Astra que foi levado para o inferno por um demônio chamado Nergal. O tempo recluso de Constantine acaba quando recebe o aviso de que Lucy, filha de um velho amigo, está em perigo e precisa ajudá-la a se livrar de um demônio que deseja matá-la.

Infelizmente o piloto teve muito mais pontos negativos do que positivos. Originalmente o piloto serviria para mostrar como Constantine trabalha e sua luta contra os demônios, o que é feito razoavelmente, e apresentar Lucy que seria sua companheira nestas aventuras. Após as merecidas críticas a participação da personagem se resumiu ao episódio piloto, felizmente já que a personagem era fraca demais e Lucy Griffits mostrou ser incapaz de passar qualquer emoção. A trama na primeira parte foi excessivamente rápida, colocando de uma só vez todos os elementos sobrenaturais da trama e com explicações fracas e confusas, esquecendo de que nem todos os telespectadores conhecem Constantine. Algo que também chamou minha atenção foram os efeitos especiais, obviamente que na televisão não se espera efeitos do mesmo nível dos blockbusters hollywoodianos, mas os efeitos especiais deste piloto deixaram muito a desejar, precários e falsos, como na cena no estacionamento de Lucy e na luta final contra o demônio. É visível a tentativa dos produtores de esconderem essa limitação de orçamento ao usarem efeitos especiais mais práticos, como os “fios elétricos possuídos” para diminuir os gastos da produção.

Fisicamente o ator Matt Ryan ficou parecidissimo com Constantine, a roupa do personagem é igual a da HQ; psicologicamente o humor sarcástico de Constantine aparece bastante, assim como o seu estilo saco cheio e resmungão. Ryan não fez nesta estreia uma atuação tão boa como Keanu Reeves fez com o personagem, mas está bem no papel e pode melhorar. O próprio Constantine reflete o tom bem leve desta série que não será uma história de terror e sim e muito mais de uma aventura sobrenatural, parecendo muito mais o estilo de Supernatural. Por ser exibida em um canal de TV uma das características mais marcante de Constantine que é seu vicio em cigarros foi cortada, apesar de ele aparecer usando um isqueiro, como também a sua maneira de falar é mais educada e sem palavrões. Os personagens secundários poderiam ter sido melhor trabalhados, ainda mais ao pensar em um personagem como Chas, o taxista e velho amigo de Constantine que aqui ganhou uma versão que mostrou pouco do seu valor. Outro personagem que deixou uma má impressão é Manny (Harold Perrineau, de Lost), criado exclusivamente para a série e uma espécie de ligação entre o protagonista e os anjos.

O melhor do piloto foi o tom dramático e profundo da trama nos arcos envolvendo o peso na consciência de Constantine pela morte de Astra e também no passado pela morte de sua mãe durante o seu parto, o que levou a ser odiado pelo seu próprio pai. Dois arcos dramáticos colocados para dar mais profundidade ao personagem que esconde seus sentimentos em seu humor negro. O fim do episódio deixou alguns ganchos, como a vingança contra Nergal pela morte de Astra (arco baseado nas HQ’s), a aliança com Manny que deve ser usados nos “casos da semana” e principalmente na última cena do episódio a primeira participação de  Zed (Angelica Celaya, Dallas), clássica e querida personagem das HQ’s de Constantine e que será a verdadeira protagonista feminina da série.

Quero acreditar que o vazamento e as criticas vão acabar tendo um resultado positivo para a série, já que os roteiristas já sabem o que o público gostou não ou na série e podem a partir do segundo episódio já começarem a fazer as mudanças esperadas.

Comentário Extra:

Na cena que Liv entra no esconderijo de seu pai ela encontra o capacete do Senhor Destino, um dos clássicos heróis dos quadrinhos e essa deve ser a primeira de muitas referências e participações de outros personagens dos quadrinhos na série.

Vai dar certo? Não apostaria, a própria NBC colocou a exibição da série às sextas-feiras, dia com pouco competição e audiência baixa em geral, o que preocupa já que mesmo neste dia o piloto teve uma audiência bem menor do que já era esperada. O segundo episódio será decisivo para definir se Constantine pode melhorar logo ou vai precisar de um tempo maior para encontrar o seu estilo próprio.

Para quem gosta de…: das HQ’s de Constantine, histórias de terror e sobrenatural.

O TV Cinema e Música vai acompanhar? Sim, muito mais por amar este personagem do que realmente por este fraco episódio piloto e dando um voto de confiança de que talvez os erros da estreia não serão repetidos e que a trama melhore daqui em diante.

tres

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s