Deixe um comentário

Chicago Fire – 3×05 – The Nuclear Option

NUP_165692_0086  Chicago fire nuclear option kinney spencer raymund walkerOs roteiristas de Chicago Fire sabem que possuem um leque de bons personagens e que pode guardar um por um tempo para depois usá-lo, depois de um bom tempo dedicado a Severide é hora de Casey ganhar mais destaque. Casey jamais deixará o traidor safado do seu cunhado destruir a família de sua irmã que estava tentando poupar seu irmão de toda essa crise. Fazia muito tempo que Casey não ganhava uma história promissora como esta e bom vê-lo agindo, com ajuda de Ruzek do PD, e indo atrás de justiça, mesmo assim será uma longa briga para Casey desmascarar o esquema do seu ex-cunhado.

Na briga entre Hermann e Dawson ambos tinham razão; para não ter nenhum tipo de privilégio Dawson precisa no trabalho se afastar do seu noivo e não pode ser treinada por Casey. Hermann também tem razão ao reclamar que Casey, Dawson e Boden resolveram essa situação sem pedir a opinião dos outros; gostei e muito como Dawson soube provocar Hermann que depois de uma conversa franca ficou menos nervoso e percebeu que a melhor maneira de resolver tudo isso é transformar Dawson na melhor bombeira da história.

Preciso ser sincero e dizer que estou gostando cada vez mais da Sylvie que passa por uma fase de aprender a confiar em si mesma e de se virar sozinha. Cara de pau do seu noivo em fuga voltar fazendo exigências e dando ultimatos, tanto o ataque na ambulância como o assalto foram testes para Sylvie ficar ainda mais segura e acabar de uma vez este relacionamento que só faz mal para sua autoestima. Realmente esperava que Severide começasse a se reerguer, mas ele não percebe que fazer seu trabalho direito não é o bastante, precisa ter uma vida feliz e parar de beber; começo a sentir uma aproximação entre Severide e Sylvie e talvez isso o ajude a se levantar, Sylvie jamais será Shay, mas pode ser o amigo que Severide tanto precisa.

Impossível não amar o chefe Boden que preferiu perder uma promoção para fazer com que Joe voltasse a dirigir o caminhão, o chefe sempre cuidando de sua família no trabalho, enquanto foge de Donna que o está deixando louco com seus hormônios em alta pela gravidez. Belo gesto também do Joe de deixar Otis se exibir para seus sobrinhos no comando do caminhão, mesmo depois daquele ridículo discurso que Otis deu em Otis que só estava tentando ajudá-lo. E a turma do Molly 2 não tem jeito! Colocaram o batalhão 51 inteiro para lavar os banheiros tudo para tirar o carro de comida da frente do Batalhão, algo que Boden tinha razão de achar inaceitável. Mouch teve que usar a opção nuclear ou ficaria pobre de tanto pagar as multas, afinal Platt o ama, mas jamais infringiria a lei!

Comentários Extras (sobre os casos):

O primeiro incêndio foi ótimo e mostrou Joe tendo utilidade; o caso da ambulância teve seu toque de humor e o do elevador foi bastante aflitivo e até por um momento pensei que tinha chegado a hora do Hermann!

tres_e_meio

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s