Deixe um comentário

Sleepy Hollow – 2×05 – The Weeping Lady

sleepy-hollow-recap_612x380Ichabod Crane seu garanhão! Sleepy Hollow construiu uma história incrível que foi evoluindo, se encaixando e que deu uma necessária evolução para a trama. Um dos acertos principais deste episódio foi a maneira que a história foi contada exaltando inicialmente a amizade, e amor não correspondido, entre Caroline e Crane, apesar do curto tempo foi possível sentir o laço de carinho que existia entre os dois, o que só aumentou o impacto da morte de Caroline. Isso também revelou um pouco da vida de Crane fora da guerra contra o mal, mas sem deixar suas origens, afinal para conviver com Ichabod você precisa aceitar o seu estilo de vida colonial, uma piada perfeita.

Se no review anterior critiquei a mania de toda história ter que ter uma ligação entre presente e passado, nesta semana essa fórmula funcionou perfeitamente e de forma lógica. O monstro, desta vez um fantasma assustador, da semana também foi introduzido na história calmamente, criando o ambiente para a revelação de que a mulher chorona era Mary, a antiga noiva de Crane, e que foi morta em um acidente, bem idiota, durante uma discussão com Katrina. A revelação deste segredo de Katrina escondido de Crane por tantos anos quebra a confiança que existia entre os dois, faz com que Crane se questione sobre a integridade de Katrina. Isso é muito bom, afinal não aguentava mais ver Crane infeliz e preocupado com sua esposa, não que Crane vai desistir de Katrina, mas pelo menos deve parar de pensar só nisso e se concentrar em ganhar a guerra não somente para salvar Katrina e sim o mundo.

É cada vez mais raro ver um vilão de verdade como Henry que usou o pecado secreto de Katrina para distanciá-la de Crane e aproximá-la de Abraham. O cruel plano não foi bem visto por Moloch, mas parcialmente teve seu objetivo cumprido de colocar Katrina mais perto deles, já que ela é uma importante peça para o plano de Moloch para criar o apocalipse. Algo que já chama minha atenção é que conhecendo a fria personalidade de Henry é bem capaz que mude de lado e crie um terceiro time nesta guerra, não sei até quando Henry irá aguentar as ofensas de Moloch que o trata como um soldado qualquer.

A relação de Crane e Abbie está cada vez mais segura e toda essa experiência os uniu ainda mais, foi bonito da parte dela arranjar a homenagem, no estilo colonial, para Caroline. Por outro lado a tensão pela existência de Hawley só aumenta, irritando cada vez mais Crane.  A chegada de Hawley também cria a possibilidade de um triângulo amoroso, entre Hawley, Abbie e Jenny! Não esperava essa revelação do caso entre Hawley e Jenny, mas o caçador de recompensas está começando a se apaixonar por Abbie e por isso quer distância de Jenny. De qualquer maneira Hawley está preso nas mãos das irmãs Mills, talvez isso seja uma nova arma para Henry usar e colocar Abbie e Jenny novamente uma contra a outra.

Comentário Extra:

Realmente os populares “lugares para namorar” mudou muito desde a época de Crane até o presente.

quatro_e_meio

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s