Deixe um comentário

Masters of Sex – 2×09 – Story of My Life

masters-of-sex-recap-story-of-my-life-michael-sheenUma correção sobre o texto anterior, Frank é irmão de verdade de Bill e não bastardo. Um episódio com três densos enredos onde Bill, GIni e Libby tiveram que encarar a verdade que tanto tentam fugir.

Para ganhar respeito Libby precisa primeiro ser levada a sério, Robert e a esposa de Frank mostraram que ela precisa parar de agradar os outros e revelar que tem desejos e personalidade. Não será prendendo alguns brancos que Libby vai mostrar não ter preconceitos, mas sim ao colaborar com a causa. Essa mudança de atitude tem que se repetir com Bill e talvez assim enxergue que, assim como Frank fez com sua esposa, ele está escondendo algo.

Bill tem a tendência a fugir dos problemas, os deixando para trás e seguindo em frente, ao fazer isso acaba machucando as pessoas exatamente da mesma maneira que fizeram com ele. A complexa relação entre Bill e Frank se resume no nome do segundo, nome do pai deles que deveria ser de Bill e o qual ele usou nos encontros com Gini. Isso revela o quanto Bill não superou seu pai, mas sim está seguindo o mesmo caminho que o dele ao fugir de Frank, não encarando o que sente por Gini e a sua falta de ereção.

Bill usou o tímido do Lester para resolver o seu próprio problema, pelo menos em uma conversa franca com Gini assumiu o que está acontecendo e pela primeira vez parou de fugir do que tem medo. Tudo isso porque Gini ao conversar com o terapeuta, como a falsa Barbara, descobriu que seu maior defeito é a mania de fazer as coisas sem pensar e depois fugir das consequências de seus atos. Gini não é uma psiquiatra e não pode ajudar Barbara nesta parte, foi prepotente e acabou piorando a situação. Gini sabe que o estudo não existe mais, mas não concordo que o que ela e Bill têm é puramente físico, mas sim um amor real, o qual escondem na sua ligação sexual. A falta de ereção de Bill está ligada aos problemas dele e de Gini, tanto por saberem o quão errado é o que estão fazendo e por fugirem do que sentem um pelo outro.

quatro

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s