Deixe um comentário

Crítica: As Tartarugas Ninjas

As Tartarugas Ninjas-1Nas décadas de 80 e 90 As Tartarugas Ninjas chegaram ao seu hoje saindo dos limites de popularidade de suas origens dos quadrinhos para o cinema e uma série animada, mas o tempo passou e foram sendo esquecidas. A Nicklodeon em 2009 comprou os direitos das personagens visando revitalizar os quelônios falantes para a nova geração; primeiro com uma nova, e bem sucedida, série animada e com um novo filme. O projeto foi colocado nas mãos do polêmico e cada vez mais criticado diretor Michael Bay que como produtor traz sua fórmula de sucesso da franquia Transformes mais as curvas da atriz Megan Fox.

Bay e um trio de roteiristas adaptaram a história das Tartarugas para o o público e cinema desta geração, seja isso para o bem e principalmente para o mal. O carisma do quarteto formado por Michelangelo, Raphael, Leonardo e Donatello é desperdiçado em uma aventura com um roteiro insignificante e uma aventura entediante. Bay é a personificação do que existe de pior no cinema comercial, com toda sua superficialidade e didático. O que explica, mas não justifica, a ridícula mudança feita na história da origem do quarteto e do Mestre Splinder que nesta versão serve como ligação das tartarugas com a jornalista April O’Neil (Megan Fox, linda e péssima atriz). A ideia de ligar todos estes personagens não funciona na prática e deixa grandes buracos na história, como o mestre Splinter ter virado um ninja apenas lendo um livro.

As Tartarugas Ninjas-2Outra mudança na história é a do vilão oriental Destruidor que aqui ganha sua versão Transformer, afinal um filme de Bay não poderia ficar sem alguma espécie de armadura robótica. O Destruidor tem uma enorme força e armadura, mas seu plano contra a cidade de Nova York é patético e nada criativo. Ao tentar deixar tudo didático e explicativo demais cria-se uma história ainda mais sem lógica e cheia de buracos, para um filme que não necessita de muitas explicações, por ser uma trama que tem como protagonistas tartarugas que falam e são ninjas

As Tartarugas Ninjas é um filme com o estilo conhecido de Bay com um roteiro que pouco se preocupa entregar mais do que uma aventura e sim em impactar o público com muita ação. O diretor Jonathan Liebesman (Fúria de Titãs) é apenas um aluno seguindo as regras cinematográficas estipuladas por Bay que se tivesse dito ser o responsável pela direção todo mundo acreditaria; não faltam cenas em câmera lenta, momentos de ação em alto de prédios e muitas cenas ao pôr do sol.

As Tartarugas Ninjas-3A dedicação com as cenas de ação é tamanha que não existe preocupação em fazer com o que público crie uma ligação com o quarteto principal, as tartarugas são resumidas as suas habilidades ninjas e algumas piadas leves, a maioria sobre a cultura pop atual. Donatello ganhou uma versão nerd atual, Michelagelo é o alívio cômico enquanto Raphael e Michelangelo disputam o espaço de líder, sendo que o segundo é o que tem um pouco de espaço solo na trama.

Diante de um roteiro com tantas falhas o polêmico visual das tartarugas feito através de captura de movimentos e computação gráfica chega a ficar em segundo plano, o que inclui os seus próprios intérpretes. Pensando pela proposta de trazer realismo aos personagens o novo visual cumpre seu objetivo, ainda mais no tamanho e força dos animais na trama; apesar disso quando aparecem sem suas máscaras as tartarugas trazem uma sensação de estranheza.

As Tartarugas Ninjas-4Assim como ainda acontece com a franquia Transformers o remake das Tartarugas Ninjas foi inacreditavelmente bem aceito pelo público que lotou as salas de cinema e encheu os cofres da Nickelodeon que já anunciou uma produção de uma sequência. Enquanto Michael Bay tiver os resultados das bilheterias a seu favor não precisa se preocupar com as críticas que vem recebendo entre especialistas e seus próprios companheiros de profissão.

dois

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s