Deixe um comentário

Série Nova: From Dusk Till Dawn: The Series – 1×01- Pilot

from_dusk_till_dawn_tv_series_netflix-368567O diretor Robert Rodriguez, que fez filmes como Sin City e Pequenos Espiões, é agora dono de um canal chamado El Ray e é nele que o diretor estreia a série From Dusk Till Dawn, adaptação de Um Drink no Inferno, um dos seus primeiros filmes e um dos maiores sucessos de sua carreira; e que posteriormente ganhou duas esquecíveis continuações que não merecem ser nem mencionadas.

Para os mais jovens que não conhecem o filme original, Um Drink no Inferno foi lançado em 1996 e tornou-se um dos filmes mais cult da história. O então diretor em ascensão Quentin Tarantino assinou o roteiro que foi dirigido pelo ainda desconhecido Robert Rodriguez; além disso Tarantino co-estrelava ao lado de um galã da época chamado George Clooney (!). A história acompanhava dois ladrões que acabaram de assaltar um banco e fizeram uma família refém, a qual levam ao ponto de encontro com os mandantes do assalto. O local da reunião é um bar bizarro no meio da estrada, que revela ser um covil de vampiros nojentos formado por homens latinos e belas mulheres; os Gecko e seus reféns precisam proteger a sua própria vida para tentarem sobreviver até o amanhecer.

A série baseada no filme tem a proposta de nos 10 episódios de sua primeira temporada aprofundar-se na vida dos personagens apresentados nos filmes, principalmente os irmãos Gecko, e aumentar a mitologia sobre os vampiros. O episódio piloto foi razoável e pareceu uma longa introdução dos irmãos Gecko, a criação do vilão e o policial herói da trama. A trama apresenta os irmãos Seth (D.J. Catrona no papel que foi de Clooney) e Richie Gecko (Zane Holtz no papel interpretado por Tarantino), dois assaltantes que acabaram de cometer um crime no qual mataram alguns policiais e estão em fuga para encontrarem com o mandante do crime Carlos (Wilmer Valderrama, de 70’s Show); um traficante que guarda algum segredo e tem por algum motivo interesse em Richie; com certeza ele deve ser um vampiro!

Seth é um homem que acabou de sair da prisão, bastante centrado que pensa antes de agir e que precisa tentar controlar o seu cada vez mais instável irmão Richie; que é um maluco sociopata que adora matar todos que passam pela sua frente e que tem estranhas visões com uma mulher maravilhosa e os vampiros. O episódio piloto inteiro gira na fuga dos irmãos Gecko que acabam presos dentro de uma loja de bebidas depois que dois policiais texanos aparecem no local; tudo isso aconteceu por causa das maluquices de Richie que decidiu que tinha que primeiro sequestrar duas garotas que estavam de passagem pela loja e atirou no policial Earl (Don Johnson).

Os dois policiais que acabam cruzando com os ladrões também são destaques no episódio; Earl é um policial veterano, metido a filósofo, que não acredita em nada e tem uma mania de explicar tudo através dos números. Seu parceiro é o policial latino Freddie (Jesse Garcia, de Sons of Anarchy), um homem bastante católico, casado e com uma filha recém nascida a qual queria que Earl fosse o responsável pelo seu batizado. A profunda relação de amizade entre os policiais é criada para explicar o motivo que Freddie irá perseguir os irmãos Gecko para vingar a morte de seu parceiro Earl; assim se cria um herói que irá atrás de justiça pela morte do seu mentor e amigo.

A maior qualidade do piloto é respeitar o estilo cult e porque não trash do filme original; os diálogos são ridículos, os atores sempre atuam no limite entre o normal e o canastrão, mas vale mencionar que tanto Catrona como Holtz estão confortáveis em seus papéis e respeitando o que foi feito pelos intérpretes anteriores dos personagens. Rodriguez que dirige também a série mantém o mesmo estilo de direção do filme original, no piloto usa de uma tonalidade forte já diferenciando o calor do Texas para escuridão que está por vir.

Escuridão que deve começar um pouco no próximo episódio que deve mostrar os Gecko sequestrando a família que levará com eles para o bar onde Carlos marcou o encontro; só torço para que o bar seja mostrado já na semana que vem e não enrolem por mais um episódio. A falta de vampiros é a maior decepção desta estreia, Rodriguez preferiu apresentar os irmãos Gecko e dar apenas algumas pistas sobre os seres noturnos como as garotas que estão sendo mortas em rituais e principalmente através das visões de Richie.

Essa é a minha primeira crítica ao piloto de tentar criar esta ligação entres os chupadores de sangue e o personagem para explicar a maluquice de Richie através de suas visões sobre os vampiros e sobre a líder dos chupadores de sangue; algo que o filme original não tinha e que esta série também não precisava ter, isso diminui a loucura que faz o personagem ser tão cativante.

No geral foi um episódio mediano para o comum, apesar de ter algumas das características do filme original pecou por não ter introduzido logo de cara os vampiros; o roteiro também mostra uma história que precisa ser bastante melhorada para conseguir ir além do que já foi contado na obra original. From Dusk Till Dawn tem como premissa uma história que quem assistiu o filme sabe o final, por isso não pode ser apenas um remake com apenas algumas cenas novas; conseguindo superar este desafio pode começar a sonhar em ter mais do que uma temporada.

Vai dar certo? Incerto, o canal El Rey está apenas começando e Rodriguez como dono pode fazer o que quiser, se a audiência e repercussão da série não for boa, o diretor pode simplesmente cancelar a trama depois dos dez episódios e colocá-la como uma minissérie. Potencial a história tem, mas é preciso assistir o segundo episódio para ter uma conclusão se na prática vai dar certo, já que o primeiro foi meramente um longo prelúdio.

Para quem gosta de…: Robert Rodriguez, Um Drink no Inferno – O Filme, vampiros, histórias trash, cultura latina.

O TV Cinema e Música irá acompanhar? Não sei, amo o filme original e até vi algum potencial na série, mas preciso assistir mais um episódio antes de tomar uma decisão final.

tres

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s