2 Comentários

Beauty and the Beast – 2×16 – About Last Night

"About Last Night"Chegou aquele momento que os fãs de Beauty and the Beast não queriam nem pensar, o o último episódio da série antes de entrar em uma longa pausa. O último episódio foi regular e não trouxe nada de novo, mas pelo menos teve alguns bons momentos cômicos.

O primeiro momento de humor foi Cat depois de acordar sorrindo por ter sonhado com Vincent e ver que o mesmo estava deitado nu ao seu lado,  fugindo comicamente antes de Vincent acordar. Cat achava na sua cabeça que foi nada mais do que uma transa de rompimento e não uma noite romântica como foi na verdade; momentos divertidos com cada um explicando para seu respectivo melhor amigo, Tess e JT, o que tinham achado daquela transa perfeita. Cat ficou insistindo que foi apenas uma transa de rompimento e Vincent levou como mais um incentivo para tentar reconquistá-la, e o episódio ficou nestas idas e vindas até Sam atrapalhar tudo.

Sam na verdade não tomou a fórmula para virar Fera e sim a usou em um prisioneiro para conseguir facilmente e ridiculamente escapar da prisão. Sam saiu da prisão para completar sua vingança contra aqueles que mataram seu filho, finalmente foi revelado quem são essas pessoas que Sam está atrás. A série ganha mais um grupo maléfico desta vez formado por poderosas pessoas da cidade que querem por algum motivo criar feras e que para isso estavam fazendo testes até em crianças doentes. Já comentei no review anterior que essa mania de ficar criando novos inimigos a cada dois episódios é um dos problemas atuais da série, essa nova conspiração estreia já parecendo nada mais do que uma nova Muirfield.

Para capturar Sam antes que concluísse sua vingança, Gabe, Cat e Vincent precisavam entrar em uma festa organizada pelo grupo maléfico, mas pulo um pouco desta parte para comentar sobre os momentos de bom humor da trama; como Vincent mostrando sua cara de fera para o juiz envolvido falar o que sabia e as intermináveis discussões entre Gabe e Vincent que disputavam Cat. A melhor e mais hilária cena foi Gabe e Vincent brigando para ver quem iria com Cat na festa como seu par; o que claro Vincent acabou conseguindo de qualquer maneira, afinal em um local cheio de pessoas poderosas da cidade qualquer um seria capaz de reconhecer Gabe.

Enquanto Vincent e Cat ficavam neste vai e vem, JT, que quase se machucou com o “leve” empurrão que ganhou de Vincent, não quis seguir o mesmo caminho de seu amigo e colocou Tess na parede, a policial assumiu que apesar de nunca acreditar que ficaria com um cara como ele, não conseguia parar de pensar naquele nerd gordinho! O segundo melhor momento do episódio foi Tess parando de fugir dos seus sentimentos e dando um beijaço em JT, agora é torcer para que os dois tenham mais sorte que o casal principal.

Por mais que tentasse fingir que não queria nada mais com Vincent, Cat ficou ainda mais nervosa ao descobrir que a festa era um baile de máscaras, o que fez a policial lembrar da última vez que esteve com Vincent em uma festa como essa. Cat pode não querer que Vincent seja o seu cavaleiro de armadura que salve sua vida, mas acabou sua dúvida sobre com quem iria ficar ao ouvir o discurso de Vincent para Sam. Vincent estava se esforçando tanto para agradar Cat e mostrar que tinha mudado que esqueceu de fazer isso de forma natural como quando salvou a vida de Sam e fez o seu longo discurso sobre encontrar a maneira certa de conseguir sua vingança; uma fala que mais parece com o Vincent da temporada passada do que com a sua versão esquecível deste segundo ano.

Cat deu um merecido fora em Gabe que não aceitou nada bem ter perdido a disputa para Vincent, é irritante e hipócrita da parte dele ficar comparando Vincent consigo mesmo na época em que era fera; Vincent nunca faria as coisas que Gabe fez no passado e sempre foi uma pessoa mais correta do que Gabe que agora quer passar como santo. Gabe é um mala que deveria ter morrido no final da temporada passada, um personagem supérfluo e que foi um dos alicerces para estúpida ideia dos roteiristas de separar Cat e Vincent.

Os pombinhos finalmente ficaram juntos, porque bastante confiante Vincent já esperava Cat na casa dela e depois de algumas declarações de amor os dois transaram novamente e desta vez Cat não foi embora, afinal era a casa dela! Como não poderia deixar de ser o episódio terminou com um gancho de cair o queixo com Vincent sendo preso por ter matado o pai da Tori! Cat ficou desesperada sem entender o que estava acontecendo e como a morte do pai da Tori pode ter voltado desta maneira! Quero acreditar que Gabe não seria tão canalha de arrumar uma maneira de prender Vincent só para afastá-lo de Cat, mas essa é ainda uma opção plausível. A resposta mais lógica é que o grupo que Sam perseguia sabe que Vincent é uma das feras depois de tudo que aconteceu e Vincent não ajudou ao fazer a burrice de mostrar seus poderes na frente do juiz que pode ser o mandante desta prisão.

Para a loucura das fãs a resposta será dada somente daqui alguns meses quando Beauty and Beats retornar da sua pausa, apesar de não ter uma data exata isso deve acontecer provavelmente no final de maio; onde os últimos episódios da temporada e provavelmente da série vão ser exibidos.

tres

2 comentários em “Beauty and the Beast – 2×16 – About Last Night

  1. Sou muito seu fã

  2. Fã incondicional, amei a matéria.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s